Connect with us

Business

Assessor contábil Cláudio Lasso dá 10 dicas para ajudar a reduzir a carga tributária da sua empresa

Published

on

O CEO da Sapri Consultoria afirma que quando a redução é feita de forma correta, sem riscos fiscais, o negócio mantém saldo positivo e se torna mais competitivo

Existem medidas legais que podem ser adotadas para reduzir o impacto da carga tributária sobre uma atividade. O assessor contábil e CEO da Sapri Consultoria, Cláudio Lasso, afirma que quando a redução é feita de forma correta, sem riscos fiscais, o negócio mantém mais saldo positivo em seu fluxo de caixa, tem mais dinheiro para cumprir com suas obrigações e gera sobras para investir e para se tornar mais competitivo.

O contador elencou 10 medidas que podem ser tomadas para uma redução segura e mostraremos o quanto elas podem contribuir, caso sejam aplicadas com eficiência.

1. Organize a empresa

Para economizar com impostos, a primeira coisa que você precisa fazer é organizar a sua empresa. É essencial ter os documentos em mãos e um controle total sobre a realidade financeira do empreendimento. Dessa forma, é mais fácil pensar em estratégias que visem à redução da carga tributária.

Para isso, busque a ajuda de bons administradores e contadores. Juntos, é possível estabelecer ótimas estratégias para otimizar as ações da sua empresa e basear as tomadas de decisões em dados confiáveis e exatos. Para isso, os profissionais podem estabelecer controles, como:
• fluxo de caixa padrão e projetado, método de manutenção e análise;
• indicadores financeiros necessários e periodicidade de avaliação de cada um deles;
• relatórios personalizados de dados contábeis e/ou financeiros.

2. Descubra o melhor enquadramento jurídico

No Brasil, é possível enquadrar uma empresa no Simples Nacional, no Lucro Real ou no Lucro Presumido. A decisão é feita todo ano e é a partir dela que são definidos quais impostos devem ser recolhidos e como os procedimentos ocorrerão.

Então, para fazer a escolha, é essencial que você conheça a realidade do seu negócio e conte com uma boa assessoria tributária. O auxílio de profissionais qualificados é essencial, uma vez que eles conhecem a legislação a fundo e entendem quais são:
• as brechas;
• as formas de pagamento;
• as hipóteses de isenção e de compensação etc.

É importante ter em mente que o regime mais simples nem sempre é o mais vantajoso ou o mais econômico. Dependendo da sua atividade, um regime mais complexo pode trazer certos benefícios e gerar economia.

Por exemplo, enquanto o Lucro Real exige mais declarações ao longo do ano, tributa somente o lucro da empresa nos seus maiores impostos e não no seu faturamento total. Então, caso o lucro das atividades seja baixo, pode ser a escolha mais econômica de regime de tributação.

Já o Lucro Presumido também tem o sistema de tributação sobre o lucro para seus impostos mais pesados, porém aplica as alíquotas sobre percentuais específicos da presunção de lucro.

Dessa forma, não sendo possível optar pelo Simples Nacional, o Presumido é uma boa escolha se o negócio tiver margens acima das faixas de presunção, pois acaba tendo apenas parte do lucro tributado.

Não decida sem pesquisar e sem fazer contas específicas. É preciso realizar uma análise completa do seu negócio.

3. Fique atento aos benefícios fiscais

Outra questão importante e que contribui consideravelmente para a redução do impacto da carga tributária são os benefícios fiscais. Neles, em troca de ações da empresa, investimentos em áreas específicas ou entradas em programas do governo, a organização tem redução ou isenção de imposto de renda e Contribuição Social.

Analise as legislações federal, estadual e municipal e descubra se existe algo específico para a sua atividade. Tome cuidado quanto à possibilidade de adesão ao programa, pois eles sempre são direcionados a empresas enquadradas em regimes específicos de tributação.

Esses benefícios, além de gerarem economia, costumam incentivar ações voltadas à cultura, à educação ou à responsabilização e conscientização social, o que contribui para a imagem da sua empresa perante a sociedade e gera credibilidade para o seu negócio.

4. Reduza o pró-labore

Talvez você não saiba, mas sobre o pró-labore incide Imposto de Renda. No entanto, sobre a divisão anual de lucros, não.

Sobre o pró-labore também incide contribuição previdenciária, que aumenta conforme o valor dessa retirada. Apesar de ser necessário pagá-la, não é obrigatório que o empresário se enquadre nas maiores faixas de contribuição. Portanto, pode manter a retirada em valor mais baixo para também reduzir a contribuição.

Converse com o seu contador e pense em uma estratégia para reduzir o pró-labore e aumentar a divisão de lucros. Isso ajuda você a economizar e é totalmente lícito. Lembre-se de conversar também com os seus sócios e organizar essa ação de uma forma que seja vantajosa e igual para todos.

5. Subdivida a empresa, se for o caso

Em algumas situações a subdivisão pode ser uma forma de reduzir o impacto dos impostos. No caso de a empresa realizar mais de uma atividade, ao adotar essa medida, você consegue enquadrar cada atividade no melhor regime tributário e obter uma economia global, ainda que, para alguma das atividades, haja majoração dos tributos.

É preciso analisar o caso concreto e conhecer a realidade financeira da empresa, antes de decidir. Contudo, essa medida deve ser considerada.

Como outro exemplo, também podemos citar uma empresa que vende carros e oferece serviço de manutenção automotiva. Para a prestação de serviço, a opção pelo Lucro Real ou presumido é mais adequada.

Por outro lado, para a venda, o Simples oferece mais vantagens. Ou seja, a subdivisão pode também ser feita utilizando regimes diferentes para cada empreendimento.

6. Faça um planejamento tributário

Essa medida é essencial para que você economize com segurança. Ao conhecer todos os tributos que incidem sobre a atividade e ter um controle intenso sobre o fluxo de caixa e o balanço financeiro da empresa, é possível pensar em estratégias lícitas para a redução dos impostos.

Entre essas estratégias, podemos citar a compensação de créditos tributários, a adoção de ações que impeçam a prática dos fatos geradores dos impostos e muito mais. O planejamento tributário deve ser feito com tempo e com o apoio de profissionais que tenham conhecimento profundo sobre a legislação em vigor e sobre as particularidades da sua empresa.

Por meio dele, além de conseguir economizar, você consegue reduzir o número de erros procedimentais, evitar o pagamento de multas e, até mesmo, diminuir o risco de ações judiciais ou de processos administrativos.

No planejamento tributário, uma das melhores práticas é simular contas tributárias em outros enquadramentos, como fizemos no exemplo acima, explorando todas as possibilidades.

Para isso, os valores reais dos últimos meses de despesas e receitas da empresa têm de ser utilizados, para resultados confiáveis, além de projeções coerentes para pelo menos os três meses seguintes.

Após essa visualização e as comparações que a ação possibilita, torna- se muito mais fácil e claro observar qual é o regime mais adequado ou, no mínimo, como modificar processos para economizar dentro do mesmo enquadramento.

7. Não misture contas pessoais e contas da empresa

Ao misturar as suas despesas com as despesas da empresa, você pode prejudicar a gestão e fazer com que a tributação fique maior. Com isso, além de pagar mais impostos e de ter prejuízos com a sua retirada mensal e com o seu lucro anual, você ainda pode responder processos administrativos e pagar multas por imprecisão nos cálculos ou apresentação equivocada de relatórios.

Fique atento a essa situação, pois se trata de um erro bastante comum. E o pior: na maior parte das vezes, por distração.

Em questões administrativas e gerenciais, o maior prejudicado por esse tipo de erro é o fluxo de caixa. Por entradas e saídas erradas, o controle passa a ter defasagem permanente e perde sua objetividade. Então, se for utilizado por um gestor para análise ou tomada de decisão, certamente conduzirá o profissional ao erro por não ser exato e confiável.

Pessoas físicas e jurídicas devem ter contas bancárias separadas. E os produtos oferecidos pelos bancos, como cartões de crédito, não podem ser utilizados de maneira cruzada, como um parcelamento no cartão pessoal para a compra de computadores que serão ativos da empresa.

8. Terceirize atividades não essenciais

A terceirização de atividades não essenciais da empresa ajuda, e muito, com a redução da carga tributária. Isso porque, quanto mais funcionários você tem, mais impostos você precisa pagar e mais obrigações passam a existir.

Então, pense em como organizar o trabalho sem prejudicar o serviço e o atendimento aos clientes para, então, definir quais áreas podem ser terceirizadas. Além de economizar, você ainda terá a possibilidade de contar com equipes qualificadas e profissionais atualizados, com foco específico na área de atuação.

Por exemplo, em vez de arcar com toda a estrutura para montar um departamento financeiro e contábil, a empresa pode terceirizar a contabilidade e, mesmo assim, contar com peritos nas áreas por meio de assessoria especializada.
Isso economiza em questões como:
• contratação de ferramentas tecnológicas;
• compra de ativos, como computadores e móveis;
• pagamentos de altos salários para funcionários exclusivos;
• direitos trabalhistas diversos, como férias, 13º salário e Fundo de Garantia.
O mesmo pode ser projetado para outras áreas, como limpeza, conservação e marketing.

9. Entenda a Reforma Trabalhista

As mudanças feitas nas leis trabalhistas e correlatas, aprovadas pela Reforma Trabalhista de 2017, também podem servir para as empresas reduzirem a carga tributária e até mesmo outras cargas de custos.

Por exemplo, passou a ser legal o contrato de trabalho que remunera o funcionário por produtividade. Logo, isso pode ser interessante aos empregadores em contratações para cargos específicos, que se mostram normalmente onerosas, podendo ser extraído o melhor retorno sobre investimento em salários e direitos pagos.

Outra possibilidade é a demissão consensual, que pode ser utilizada para desligar funcionários que desejam sair da empresa, mas não querem pedir demissão para não perderem muitos direitos rescisórios. Neste caso, a despesa da empresa ao fazer a demissão cai em cerca de 50% na comparação com a rescisão padrão sem justa causa.
Além dessas possibilidades, a reforma também prevê novas e mais duras penalidades às empresas, o que precisa ser observado. Desde a sua aprovação, empregadores que não assinam a carteira de trabalho de seus empregados ficam sujeitos a multas de R$ 3 mil por ocorrência ou R$ 800,00, no caso de empresas de porte micro. Portanto, é preciso também ter cuidado com processos internos para evitar as penalizações.

10. Conte com uma boa assessoria contábil

Como você viu ao longo do texto, várias ações podem contribuir para que você economize com impostos. Porém, erros podem conduzir a uma sonegação fiscal, o que com certeza você não quer.

Então, antes de aplicar essas estratégias, procure profissionais especializados em contabilidade e apresente a situação da sua empresa para eles. Isso fará com que você aja com segurança e tenha tranquilidade. Reduzir a carga tributária é uma necessidade, mas isso deve ser feito da forma certa, porque só assim é possível otimizar os lucros.

 

 

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading
Advertisement

Business

Empreendedoras em Ação: Os desafios e sucessos das mulheres no mundo dos negócios

Published

on

No cenário atual, as mulheres enfrentam desafios únicos ao iniciar e gerir suas próprias empresas. Em uma entrevista reveladora, Patrícia Ribeiro, CEO da Influ Brasil e idealizadora do Mulheres Unidas, compartilhou sua visão sobre os principais obstáculos e estratégias para superá-los, discutindo temas como gestão, networking, preconceitos de gênero e acesso a financiamentos.

 

Principais Obstáculos

“Um dos maiores obstáculos que as mulheres enfrentam ao iniciar suas empresas é a falta de conhecimento sobre gestão e finanças,” explica Patrícia Ribeiro. “Muitas vezes, elas começam negócios do zero sem o conhecimento adequado em áreas cruciais, o que pode dificultar o crescimento e a sustentabilidade de suas empresas. Além disso, a necessidade de equilibrar responsabilidades familiares com as demandas do negócio é uma barreira significativa. A falta de apoio e de uma rede de contatos também contribui para esses desafios.”

A Importância do Networking

Patrícia Ribeiro destaca a importância do networking para o sucesso das mulheres empreendedoras. “O networking é vital porque abre portas para oportunidades, parcerias estratégicas e acesso a recursos e conhecimentos. No entanto, construir essas redes pode ser desafiador devido à falta de representação feminina em muitos círculos empresariais. As responsabilidades profissionais e pessoais muitas vezes limitam a capacidade das mulheres de participar de eventos de networking, dificultando a construção de conexões valiosas.”

Superando Preconceitos e Estereótipos de Gênero

Para ajudar as mulheres a superar preconceitos e estereótipos de gênero, Patrícia Ribeiro promove um ambiente acolhedor com mentorias e capacitação contínua. “Encorajo as mulheres a confiar em suas habilidades e se posicionarem assertivamente. Aumentar a visibilidade das mulheres no mercado através de oportunidades de networking e eventos do setor também é crucial. Estratégias de marketing digital ajudam a destacar as realizações e capacidades das mulheres, combatendo os estereótipos de gênero.”

Desafios na Busca por Financiamentos

Patrícia Ribeiro acredita que as mulheres enfrentam desafios únicos ao buscar financiamentos e investimentos para seus negócios. “Elas frequentemente encontram preconceitos implícitos e explícitos que influenciam as decisões dos investidores. Além disso, têm menos acesso a redes de contatos influentes que facilitam a obtenção de investimentos. Para superar esses desafios, as empreendedoras devem se concentrar em construir um plano de negócios sólido e detalhado, buscar mentores e conselheiros, e participar de eventos de networking específicos para mulheres.”

Histórias de Sucesso

Um exemplo inspirador compartilhado por Patrícia Ribeiro é o de uma cliente que estava em dúvida e resistente a lançar seu negócio. “Com um produto inovador, ela enfrentava várias dificuldades. Através de uma rede de mulheres influentes no setor, ela recebeu apoio e oportunidades de investimento que foram fundamentais para o lançamento e a expansão de sua marca. Essa história demonstra o impacto positivo do apoio e do networking no sucesso das mulheres empreendedoras.”

As mulheres continuam a enfrentar desafios significativos no mundo dos negócios, mas com o apoio adequado, mentorias e uma rede sólida de contatos, elas podem superar esses obstáculos e alcançar o sucesso. A jornada pode ser difícil, mas as histórias de superação mostram que é possível vencer e prosperar.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Business

Prospecção: Silvestre revela como conquistar clientes e alcançar o sucesso financeiro

Published

on

By

Lucas Silvestre, especialista em prospecção ativa e “Top Voice” do Linkedin, dá dicas importantes para fechar mais negócios


A prospecção de novos clientes é um dos principais desafios para empresas de diferentes tamanhos e áreas de atuação. Muitas vezes, os gestores comerciais tentam desenvolver “scripts perfeitos” para atrair interessados, mas acabam obtendo resultados insatisfatórios ao deixarem de lado aspectos importantes nessa comunicação.

Isso é o que explica o especialista em prospecção ativa Lucas Silvestre, fundador da Veross e atualmente “Top Voice” no LinkedIn. Silvestre conta que muitos clientes o procuram na tentativa de desenvolver essa “fórmula” para resultados rápidos, o que acaba não dando certo. “O que eu percebo nesses pedidos é que quase todos querem o ‘pulo do gato’, o script perfeito que se desdobrará em vendas. Mas tenho de dar um banho de água fria, pois isso não funciona assim. Não é somente com a palavra mágica ou o modelo incrível que você chamará a atenção do seu potencial cliente”, explica.

O especialista esclarece que usar scripts e ter templates de comunicação não está errado, mas destaca a importância da flexibilidade nesses modelos. “Com eles, você ganha tempo e tem possibilidades de analisar a performance de suas atividades comerciais, mas sugiro deixar boa parte dos campos livres para o complemento e a contextualização”, detalha.

De acordo com Silvestre, a chave para o sucesso na prospecção é “criar um contexto para um pretexto”. Para pôr essa estratégia em prática, o especialista dá algumas dicas. A primeira delas é colocar o potencial cliente em foco, com a necessidade dele em primeiro lugar. “Fale sobre ele e para ele; com assuntos relevantes e que gerem valor”, destaca. Com essa abordagem, o interlocutor se sente importante e valorizado, dando mais abertura para o desenvolvimento da conversa.

Outra dica é fazer contato somente quando já se tem “um nome” em mente. Na prática, isso significa pesquisar informações mínimas sobre o cliente em potencial antes do contato. “Você não pode ligar para o telefone da pessoa e perguntar ‘quem é’”, destaca o especialista. Segundo ele, caso não haja muitos dados disponíveis, o ideal é fazer uma ligação para ‘sondagem’ — momento em que o discurso de vendas ainda não deve ser disparado.

A terceira dica é definir um objetivo claro para cada contato durante o processo de prospecção. “Conseguir se conectar com o contato leva a uma próxima ação; a ligação de sondagem e descoberta tem o objetivo de gerar informação para a lista; seu primeiro speech de prospecção leva a outra; a qualificação direciona para a próxima atividade, e assim por diante”, diz Lucas.

Assim, para que tudo corra conforme o planejado, é preciso ter um processo de prospecção bem desenhado, no qual o lead possa “caminhar”. “Engaje-o e valide-o em micro etapas”, diz Lucas Silvestre. “Além disso, crie uma lista de prospecção antes de sair contatando a esmo e invista em uma ferramenta de cadência. Com essas estratégias, você certamente fechará mais negócios”, conclui.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Business

122 bilhões de reais devem ser investidos no mercado de influência em todo o mundo

Published

on

Isabela Soller, CEO de empresa de gerenciamento de carreira, explica a importância desses investimentos para impulsionar o sucesso de influenciadores e marcas

Nos meandros da era digital, onde a influência se traduz em moeda corrente, adentrar os bastidores da gestão de carreira revela-se uma jornada complexa. Para isso, é essencial compreender o que é o marketing de influência e qual o seu papel no atual cenário digital. Este tipo de marketing se baseia na ideia de utilizar personalidades que possuem autoridade e credibilidade em plataformas online para promover produtos, serviços ou marcas. Alguns pontos cruciais para entender o marketing de influência incluem:

– Autoridade e credibilidade: Influenciadores são valorizados por sua expertise em determinados assuntos e pela confiança que conquistaram junto à sua audiência.

– Alcance e engajamento: A capacidade dos influenciadores de alcançar um público significativo e engajado é fundamental para o sucesso das campanhas.

– Segmentação e nichos: O marketing de influência permite às marcas atingirem públicos específicos, uma vez que muitos influenciadores possuem seguidores altamente segmentados em nichos de interesse.

– Autenticidade e relevância: Uma das chaves do sucesso nesse campo é a autenticidade das parcerias entre influenciadores e marcas, garantindo que as mensagens promocionais sejam relevantes e ressoem com a audiência do influenciador.

Compreender esses aspectos do marketing de influência é fundamental para explorar eficazmente os bastidores da gestão de carreira de influenciadores, onde estratégias são elaboradas e executadas visando o crescimento a longo prazo. Nesse cenário, desponta o Grupo Soller, uma empresa especializada em soluções de marketing de influência e gerenciamento de carreira para personalidades e marcas.

A CEO do grupo, Isabela Soller, faz uma análise sobre a importância desse tipo de gerenciamento. “A partir do momento em que um criador de conteúdo entra para o Marketing de Influência, ele se depara com uma diversidade enorme de concorrentes. E é nesse momento que entramos corrigindo a estratégia para destacá-lo no mercado.” E ela acrescenta: “O marketing de influência é um mercado muito amplo e concorrente, ele abrange vários pontos em sua construção, como análise de audiência, de conteúdo orgânico, planejamento estratégico, direcionamento de imagem e criação de campanhas. A equipe de gerenciamento deve estar presente em todas as etapas do processo, impulsionando a criatividade para alcançar resultados significativos.

-Aumento dos investimentos

De acordo com uma pesquisa realizada pelo “The Influencer Marketing Benchmark Report 2024”, do Influencer Marketing Hub, o mercado de influência em 2024 deve chegar a 24 bilhões de dólares, cerca de 122 bilhões de reais, no mundo inteiro. Isso iria representar um aumento de 13,7% em relação ao valor movimentado em 2023.

Vale ressaltar, que aqui no Brasil o investimento em marketing de influência também está em ascensão, com 68% dos anunciantes planejando aumentar seus gastos nessa área ao longo de 2024, de acordo com um estudo recente produzido pela Influency.me.

Esse crescimento reflete a crescente importância que as marcas estão atribuindo à colaboração com influenciadores para alcançar e engajar seus públicos-alvo de forma mais autêntica e eficaz. Esse aumento significativo nos investimentos é impulsionado pela constatação de que estratégias de marketing de influência, quando bem executadas, podem gerar não apenas visibilidade, mas também aumentar a confiança do público e impulsionar as vendas.

Isabela Soller enxerga o marketing de influência como um universo dinâmico e desafiador, onde a adaptabilidade e a compreensão das nuances digitais são essenciais. Em suas palavras, “o meio do Marketing de influência é desafiador, pois o mundo digital muda a cada dia e as dificuldades e surpresas são mais rápidas com a internet. Nosso maior desafio é saber o que comunicar com cada cliente, entendendo suas necessidades específicas e criando estratégias que ressoem autenticidade e relevância com suas audiências.” Para Isabela, a chave para o sucesso nesse campo está na capacidade de permanecer ágil, resiliente, adaptável e sempre atento às mudanças e tendências do mercado digital.

-Transformações no mundo digital

A ascensão do TikTok e outras inovações digitais está transformando não apenas a maneira como consumimos entretenimento, mas também como buscamos informações e nos conectamos com marcas e conteúdo. Essa mudança de paradigma, conforme observa Isabela Soller, está evidenciando uma transição das redes sociais como meros espaços de lazer, para ferramentas de busca igualmente poderosas, competindo diretamente com gigantes como o Google. Diante desse cenário em constante evolução, os produtores de conteúdo e as Big Techs estão se adaptando para atender às demandas dessa nova era digital.

Quando questionada sobre a importância de um gerenciamento profissional de carreira, Isabela enfatiza a necessidade de ter um profissional qualificado por trás de qualquer marca ou pessoa. “Um gerenciamento profissional de carreira é fundamental para influenciadores e marcas que desejam alcançar seu máximo potencial no cenário digital altamente competitivo de hoje.”, finaliza.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading
Advertisement

Mais Lidas

Geral6 minutos ago

Short Report Reveals The Undeniable Facts About Ecuador Girls And How It Can Affect You

Instead, their pure and polite character attracts the surrounding people. You will recognize her nice jokes combining with a versatile...

Entretenimento4 horas ago

Descubra a Importância dos Portais de Notícias para a Cobertura de Famosos

Nos dias atuais, os portais de notícias on-line têm desempenhado um papel fundamental ao oferecer facilidade e agilidade na busca...

Geral21 horas ago

As yet not known Facts About Hot Russian Women Unveiled By The Authorities

There are Russian women who are enticing beyond 40 or 50 or even 60 years old. On the other hand,...

Geral21 horas ago

The Honest to Goodness Truth on Norwegian Bride

When it involves courting a Norwegian girl, you may surprise about potential language barriers. English proficiency is kind of prevalent...

Geral22 horas ago

How Does Hot Indian Girl Work?

Despite progress being made towards gender equality, there are still challenges that women face, including unequal pay and restricted entry...

Geral23 horas ago

Why I Love/Hate Brazilian Mail Order Bride

They additionally tend to be hot-tempered and could be very demanding. If you need to know the method to get...

Geral23 horas ago

The Insider Secrets of Colombian Girls Discovered

This would possibly imply compartmentalizing your life a bit, or even laying down robust ground rules from the very starting...

Geral24 horas ago

Top India Women Reviews!

When it involves how an Indian lady acts in bed, so much will depend on how easily she is there...

Geral1 dia ago

What Everyone Is What You Ought To Do And Saying About Hot Colombian Girl

They are loyal and trustworthy when they are relationship men they like. All this is combined with their inherent sexuality...

Geral1 dia ago

Why Many People Are Dead Wrong About Hot Arab Girls And Why You Need To Read This Report

Also, they’re impartial and don’t anticipate a person to offer for them. With such girls, it is straightforward to build...

Advertisement

Ultimos Posts

Copyright © BusinessFeed