Connect with us

Saúde

Popular entre influencers, uso de Ozempic revela necessidade de mudanças na mentalidade

Published

on

Segundo o hipnoterapeuta Thiago de Castro, uma abordagem com foco no fortalecimento da saúde mental é vital para obter resultados duradouros e uma vida equilibrada

Tornando-se uma verdadeira febre entre celebridades e influenciadores digitais em busca da fórmula perfeita para emagrecer, o Ozempic, medicamento originalmente desenvolvido para tratar o diabetes tipo 2, agora é amplamente promovido nas redes sociais como uma solução milagrosa para a perda de peso.

Segundo um estudo realizado pela plataforma DrFirst, houve um aumento de 150% nas prescrições de Ozempic entre dezembro de 2022 e junho de 2023, refletindo a crescente demanda do medicamento como uma ferramenta de emagrecimento, mesmo entre aqueles que não têm diabetes

Com figuras públicas endossando seu uso e compartilhando suas transformações, a popularidade do medicamento cresceu exponencialmente. No entanto, é importante questionar se essa solução é realmente sustentável a longo prazo.

De acordo com Thiago de Castro, hipnoterapeuta, coach e neurolinguista que trabalha há mais de 13 anos ajudando pessoas a se livrarem da obesidade, o Ozempic é um medicamento que contém semaglutida, um composto que ajuda a regular os níveis de insulina e glicose no sangue. “Além de seu uso para diabetes tipo 2, tem sido cada vez mais utilizado para perda de peso devido aos seus efeitos secundários que incluem a redução do apetite e a sensação de saciedade prolongada”, revela.

Além da perda de peso e controle da glicose, estudos indicam que o medicamento pode reduzir o risco de problemas cardiovasculares.

Problemas associados ao uso do Ozempic

Embora eficaz, o Ozempic pode causar efeitos colaterais como náuseas, vômitos, diarreia e constipação, que podem ser desconfortáveis e, em alguns casos, levar à descontinuação do uso.

Segundo o especialista, o preço elevado também é um problema. “Isso porque o tratamento custa cerca de R$1.500 por mês, tornando-o inacessível para muitas pessoas. Este alto custo é um obstáculo significativo para aqueles que buscam uma solução duradoura e de longo prazo”, pontua.

Thiago alerta que para manter os benefícios de perda de peso e controle glicêmico, é necessário o uso contínuo do medicamento. “A interrupção do tratamento pode resultar na recuperação do peso perdido e no retorno dos níveis de glicose ao estado anterior, tornando os efeitos limitados”, declara.

Vale lembrar que com a popularidade crescente do Ozempic, o mercado ficou repleto de produtos falsificados, representando um risco significativo para a saúde dos consumidores.

Mudança na mentalidade

O hipnoterapeuta acredita que embora o Ozempic ofereça uma solução eficaz para a perda de peso e controle da glicose, não é uma solução milagrosa. “A dependência exclusiva de medicamentos pode ser enganosa e insustentável a longo prazo. A verdadeira mudança acontece internamente, com uma mentalidade fortalecida e hábitos saudáveis”, afirma.

Para alcançar e manter a perda de peso de forma sustentável, é crucial adotar um estilo de vida saudável. “Isso inclui alimentação equilibrada, com uma dieta rica em nutrientes, frutas, legumes, proteínas magras e grãos integrais, além de atividades físicas regulares, ajudando a manter a balança sob controle e melhorando a saúde cardiovascular”, pontua.

Enquanto o Ozempic segue ganhando popularidade como uma solução rápida para perda de peso, é essencial reconhecer que ele não oferece uma resposta definitiva e permanente aos desafios da obesidade. “Adotar uma abordagem com foco no fortalecimento da saúde mental é vital para obter resultados duradouros e uma vida equilibrada”, finaliza.

Sobre Thiago de Castro

Thiago de Castro é hipnoterapeuta, coach, neurolinguista e trabalha há mais de 13 anos ajudando pessoas a se livrarem da obesidade. Ele eliminou 76 quilos sem cirurgia e sem remédio, e tem inspirado milhares de pessoas a trilharem o mesmo caminho. Através dos seus programas e mentorias, já ajudou mais de 8 mil pessoas a se tornarem mais saudáveis.

É também monitor da turma Master em Hipnose clínica pelo instituto Lucas Naves. Possui formação em coaching pelo IBC, hipnose clínica pelo IMTA, master em hipnose clínica pelo IMTA, especialização em Hipnose Ericksoniana pelo IMTA, e master em PNL. É formado também em Constelação Familiar pelo IDESV e autor do livro “Quem pensa emagrece”. Atualmente, possui mais de 275 mil seguidores no Instagram e 40 mil inscritos no YouTube.

Para mais informações, acesse o Instagram ou o Youtube.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading
Advertisement

Saúde

Brasil Deixa Lista dos 20 Países com Mais Crianças Não Vacinadas

Published

on

O Brasil alcançou uma importante vitória na área da saúde pública ao sair da lista dos 20 países com mais crianças não vacinadas, conforme divulgado pela Agência Brasil na última quinta-feira (18). Esse progresso reflete os esforços contínuos de profissionais de saúde e campanhas de vacinação em todo o país.

Fernanda Mascarenhas, enfermeira especializada em saúde pública,  com atuação há mais de 25 anos e atualmente mentora em sala de vacina, destaca a importância dessa conquista. “A saída do Brasil dessa lista é um marco significativo. É o resultado de um trabalho árduo e dedicado de toda a equipe de saúde, desde os profissionais nas salas de vacinação até os gestores de políticas públicas”, afirma Mascarenhas.

Segundo o relatório, o país tem visto um aumento constante nas taxas de vacinação, resultado de estratégias como a ampliação do acesso à informação, melhorias na logística de distribuição de vacinas, campanhas de conscientização com atividades de  vacinação mais efetivas focada no microplanejamento e uma força tarefa dos profissionais que atuam no dia a dia da sala de vacinas. “A conscientização dos pais sobre a importância da vacinação infantil é fundamental. Temos investido em educação e esclarecimento, o que tem gerado uma resposta positiva da população”, explica Mascarenhas.

Além disso, a colaboração entre diferentes esferas do governo e organizações de saúde tem sido crucial para esse avanço. “A integração entre os setores público e privado tem permitido um alcance maior e mais eficiente das campanhas de vacinação. A parceria é essencial para garantir que todas as crianças, independentemente de sua localização geográfica, tenham acesso às vacinas necessárias”, completa Mascarenhas.

O Ministério da Saúde ressalta que, embora a saída dessa lista represente um progresso significativo, o trabalho deve continuar para manter e melhorar ainda mais as taxas de imunização. “Não podemos nos acomodar. Devemos continuar vigilantes e comprometidos com a vacinação, garantindo a proteção de nossas crianças contra doenças evitáveis”, finaliza Fernanda Mascarenhas.

Essa conquista reforça o compromisso do Brasil com a saúde pública e a proteção das futuras gerações, destacando a importância contínua da vacinação como uma medida essencial de prevenção de doenças.

Sobre Fernanda Mascarenhas

Fernanda Mascarenhas é uma enfermeira especializada em saúde pública com  25 anos de experiência na área de imunização. Ao longo de sua carreira, Fernanda tem se dedicado à promoção da saúde e imunização, atuando em diversas frentes para garantir o acesso e a adesão às vacinas. Atualmente, ela é mentora em salas de vacina, onde orienta e capacita profissionais de saúde, além de desenvolver estratégias para melhorar as taxas de vacinação no Brasil. Fernanda é reconhecida por sua paixão pelo trabalho, seu compromisso com a educação em saúde e sua capacidade de liderar iniciativas que impactam positivamente a saúde pública. Sua expertise e dedicação têm sido fundamentais para avanços significativos na cobertura vacinal do país.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Saúde

Mau hálito e doenças gengivais: Questões cruciais com Dra. Cintia Rossetti

Published

on

A Dra. Cintia Rossetti, especialista em Dentística e Prótese e formada pelo Instituto Orofacial das Américas, traz à tona questões essenciais sobre doenças gengivais e mau hálito, condições que afetam a saúde bucal de milhões de pessoas.

Doenças Gengivais: O que são e como identificar

Segundo a Dra. Cintia Rossetti, doenças gengivais são frequentemente decorrentes de uma higiene bucal inadequada. As mais comuns incluem a gengivite e a periodontite. A gengivite é uma inflamação da gengiva causada pela presença de placa bacteriana, que, se não tratada, pode evoluir para periodontite, uma infecção que atinge os tecidos, ligamentos e ossos que sustentam os dentes.

Os principais sinais e sintomas das doenças gengivais são vermelhidão, inchaço, sangramento durante a escovação e mau hálito. “As doenças periodontais são silenciosas”, alerta a Dra. Cintia. “Os pacientes geralmente percebem alterações como sangramento e mau hálito, e só então buscam ajuda profissional.”

Prevenção e Tratamento

A prevenção é fundamental para evitar doenças gengivais. A Dra. Cintia recomenda a escovação dos dentes três vezes ao dia, o uso diário do fio dental e visitas preventivas ao dentista a cada seis meses. “O fio dental e a escovação são essenciais para manter a saúde gengival. Além disso, o uso de enxaguantes bucais específicos pode ser muito eficaz, mas deve ser bem orientado por um profissional”, explica.

Para aqueles que buscam tratamentos caseiros, a especialista sugere o uso de pastas dentais de boa qualidade, fio dental e bochechos diários com enxaguantes bucais.

Mau Hálito: Causas e Prevenção

A halitose, ou mau hálito, está frequentemente associada a cáries, má higiene bucal e doenças gengivais, mas também pode ter origens respiratórias, como sinusite e amigdalite, ou digestivas, como refluxo gástrico.

Para descobrir se você tem mau hálito, a Dra. recomenda perguntar a pessoas próximas em diferentes momentos do dia. Para prevenir o problema, ela sugere uma higiene bucal adequada, incluindo o uso de fio dental e raspador de língua, além de beber bastante água para manter o fluxo salivar. “Evite alimentos condimentados e mantenha uma alimentação regular, sem longos períodos de jejum”, aconselha.

Embora o enxaguante bucal ajuda na prevenção do mau hálito, a especialista ressalta que seu uso isolado não é suficiente. Alimentos como maçã, pepino e cenoura, consumidos crus e com casca, também podem ajudar a manter o hálito fresco, realizando uma espécie de raspagem dos dentes e evitando o acúmulo de bactérias.

Quando procurar ajuda profissional

Se você perceber que tem mau hálito persistente, mesmo com boa higiene bucal, Dra. Cintia recomenda consultar um cirurgião-dentista e, possivelmente, um gastroenterologista. Ela também desmistifica a ideia de que balas e chicletes resolvem o problema do mau hálito: “Eles apenas mascaram o sintoma e podem piorar a situação se não houver um diagnóstico e tratamento adequados.”

Manter uma boa higiene bucal é essencial não apenas para prevenir doenças gengivais, mas também para evitar o mau hálito. Seguir as orientações de profissionais como a Dra. Cintia Rossetti pode fazer toda a diferença na saúde e bem-estar bucal.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Saúde

Resolução 430 da Anvisa completa 120 dias e gera impactos

Published

on

Transportadoras e distribuidoras de medicamentos buscam soluções para operar seguindo as boas práticas de distribuição, armazenagem e transporte da agência reguladora

O mês de julho marca os 120 dias da RDC 430 (Resolução da Diretoria Colegiada) da Anvisa, que entrou em vigor no dia 16 de março e estabeleceu a obrigação de transportadoras e distribuidoras de medicamentos em operarem seguindo as boas práticas de distribuição, armazenagem e transporte da agência reguladora.

Conforme avaliação da healthtech Pharmalog, especializada em monitoramento completo de cargas, as adequações necessárias continuam a gerar dúvidas, na medida em que ainda não se sabe o que de fato mudou nos protocolos das vigilâncias sanitárias. “Há tendência de crescimento de multas e penalizações”, alerta o CEO e cofundador da Pharmalog, Luiz Renato Hauly.

Tais preocupações já estão fazendo crescer a busca por soluções tecnológicas que vão além do mapeamento das rotas, acrescenta Hauly. “A falta de conformidade com as boas práticas estabelecidas na RDC implica, por exemplo, em possibilidade real de perda de contratos com indústrias ou redes de farmácias”.

Na Pharmalog, entre os serviços envolvidos nas operações de transporte de medicamentos, os principais diferenciais estão no mapeamento de rotas e na qualificação das embalagens.

O mapeamento inclui estudo das rotas para identificar pontos críticos de temperatura e umidade, adaptação das rotas e antecipação de problemas que possam vir a afetar a qualidade dos medicamentos. E, no que se refere às embalagens, a qualificação significa garantir que as embalagens térmicas mantenham a preservação, inclusive com soluções para diferentes tipos de medicamentos, desde termolábeis a produtos secos.

Pharmalog

Com sede em Manaus e agora operando no Positivo Labs, a Pharmalog surgiu em 2020 com foco em monitoramento de temperatura de medicamentos termolábeis. É a única empresa no Brasil a utilizar uma plataforma SaaS/Cloud para monitoramento completo de cargas.

Com o uso da inteligência artificial, a empresa está posicionada para liderar o mercado de monitoramento de medicamentos no país e recebeu, no primeiro semestre deste ano, um aporte de R$ 2,5 milhões da Bertha Capital.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading
Advertisement

Mais Lidas

Negócios5 minutos ago

A Rota BR 101 revoluciona o mercado dos automóveis com projeto S.O.S. Veículos Elétricos

O mercado de carros elétricos no Brasil é um sucesso e já tem apresentado um crescimento significativo nos últimos anos....

Negócios23 minutos ago

Cidadania Italiana: 5 dicas para entender tudo sobre esse direito

(Foto: Marinho) Segundo dados da Embaixada Italiana no Brasil, aproximadamente 15% da população brasileira descendem de italianos No ano em...

Negócios1 hora ago

Dia dos Pais aquece vendas de atacado na Região da 44 em Goiânia

Com a chegada do Dia dos Pais, lojistas do Mega Moda se antecipam à data com coleções especiais e recebem...

Celebridades18 horas ago

Teresina recebe primeiro evento em prol da felicidade

Encontro acontece em agosto e se propõe a discutir o bem-estar e qualidade de vida A busca constante pela felicidade...

Moda20 horas ago

Seletiva de modelos busca talentos em Foz do Iguaçu, no Paraná; saiba como participar

Max Fashion Tour é realizado pela agência de modelos Max Fama e acontece nos dias 27 e 28 de julho...

Negócios20 horas ago

Cinépolis anuncia combos de “Deadpool & Wolverine”, com copos colecionáveis exclusivos

*Vendas somente nas bombonières dos cinemas A Cinépolis, maior operadora de cinemas da América Latina, anuncia que os combos promocionais...

Entretenimento21 horas ago

Produtor, cantor, compositor e multiinstrumentista vem ganhando cada vez mais destaque com suas músicas e shows pelo Brasil e pelo mundo

O artista volta a casa depois de 16 anos de carreira internacional, com dois shows novos, Rey Vercosa solo, um...

Moda22 horas ago

Agência de modelos leva a criançada ao pódio com editorial inspirado nos Jogos Olímpicos de Paris 2024

Editorial destaca a importância do esporte para crianças e incentiva a prática de atividades físicas desde cedo A agência de...

Business23 horas ago

The Hill Capital apoia instituto Ampara Animal

(Cassiana Garcia, sócia-fundadora da The Hill Capital) Cassiana Garcia, além de sócia-fundadora da The Hill Capital, atua como diretora financeira...

Negócios23 horas ago

Avon e Casa Raça celebram o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha com evento especial junto à Models Black

Evento ‘Representatividade & Maquiagem’ conta com personalidades negras como a maquiadora Daniele DaMata, Cris Guterres, CEO da Preta Brasileira Cultural,...

Advertisement

Ultimos Posts

Copyright © BusinessFeed